Convidar o aluno a vivenciar, na prática, os conteúdos abordados em sala de aula e através das experiências é estimular o desenvolvimento de suas próprias habilidades. É dessa forma que o Sistema GGE de Ensino oferece educação de qualidade a partir de material didático que traz sempre inovações nas coleções Ludus, Basis e Mundus, que contemplam desde os Anos Iniciais do Ensino Fundamental ao Ensino Médio. Um dos exemplos desse ensino que coloca o estudante no centro da aprendizagem é o projeto pedagógico Mão na Massa, onde o aluno desperta logo cedo seu protagonismo nas mais diversas áreas do conhecimento.

“No caso do Mão na Massa, presente em nossos materiais didáticos, uma das habilidades da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) trabalhada foi, especificamente, escolhida para alicerçar as atividades desenvolvidas em sala de aula. A ideia é se aprofundar em determinada parte do conteúdo, associando a teoria ao saber fazer, que pode ser uma ação física ou mental – tais como uma pesquisa, a escrita de um texto, uma apresentação para a turma etc. – explicou Fellipe Torres, Gerente Editorial do Sistema GGE de Ensino.

A ferramenta contribui para o processo de aprendizagem dos estudantes por meio da combinação de teoria e prática, inovações que seguem a rigor o previsto na BNCC e envolvem os estudantes nas atividades propostas do começo ao fim. As páginas do Mão na Massa estão dispostas no final de cada capítulo dos livros, fazendo com que o estudante observe como os conteúdos vistos em sala também estão presentes no cotidiano.

Além da seção Mão na Massa, outras ferramentas inovadoras foram desenvolvidas pelo Sistema GGE de Ensino com o objetivo de trabalhar as aptidões dos alunos. Como o “Deixa Comigo”, onde, a partir de um aspecto teórico, o aluno é inserido em situações do cotidiano, sendo provocado a utilizar a metodologia STEAM, cujas habilidades interdisciplinares o ajudarão a apresentar soluções ao questionamento proposto, através de situações envolvendo Matemática, Ciências, Artes, Tecnologia e Engenharia. “Deixa Comigo” é uma excelente ferramenta para estimular o aluno na busca por soluções de problemas.

Outra ferramenta interessante e bastante útil em sala de aula, que contribui para a experimentação de situações e coloca o aluno no centro, é “Fora da Caixa”. A proposta aqui é promover debates e trabalhos em grupos, e sugerir leituras e vídeos que complementem o desenvolvimento das competências socioemocionais. Além do “Fora da Caixa”, o Sistema GGE também desenvolveu o “Let’s Listen!”, que aprofunda o idioma inglês, aprimorando a pronúncia e aguçando a audição para facilitar o reconhecimento das palavras e expressões.

Outro instrumento inovador, que representa muito bem a educação mais participativa, é o modelo de sala de aula invertida (Flipped Classroom). Essa proposta garante maior rendimento e desempenho do aluno, cujo conteúdo das coleções são disponibilizados por meio de QR Code. É apontar o celular para o código e ter acesso a um mundo de informações. Essas são algumas iniciativas contempladas pelo material didático, que colocam o aluno como protagonista do seu próprio aprendizado.

Notícias Relacionadas

0 respostas

Deixe uma resposta

Deseja deixar um comentário?
Seu comentário será bem vindo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *