Aproveitamento do material didático e uso da tecnologia estão entre as ferramentas que podem ajudar os educadores no dia a dia

A rotina do professor vai muito além do período de ministração em sala de aula. O profissional também é responsável por montar planos de aula, participar de reuniões com a equipe pedagógica, corrigir provas e atividades, além de se manter sempre atualizado sobre as novidades da área. Para dar conta de tudo isso, é necessário bastante planejamento.

A Coordenadora Pedagógica do Sistema GGE, Helimara Ramos, acredita que uma boa maneira de otimizar essa rotina é organizar com antecedência os assuntos que serão trabalhados em sala de aula e, claro, conhecer bem o perfil dos alunos.

“É preciso que o professor tenha em mente o que ele pretende trabalhar em cada aula, bem como leve em consideração o perfil de cada turma para que desenvolva seu plano baseado nessas duas características. Assim ele, com certeza,  terá uma rotina mais assertiva”, acredita. 

A especialista também destaca que é preciso tirar o máximo proveito do material didático disponível.

“É ideal que o professor tenha o material didático como aliado. Revisar, estudar e trazer o material para sala de aula como suporte no aprendizado é uma cultura que deve ser praticada, principalmente quando se tem materiais ricos em conteúdos, atividades e ferramentas”. 

Entre essas ferramentas, está a tecnologia que deve ser utilizada para facilitar a rotina.

“Compreendendo a era tecnológica que estamos vivendo, trazer essas ferramentas como aliadas alavanca os estudos e o envolvimentos dos alunos e ajuda o professor no dia a dia. Então, ela pode ser usada para realização de podcasts como método de revisão; no suporte em vídeo aulas como método de fixação; e na promoção de jogos educativos, por exemplo”.

Porém, Helimara Ramos enfatiza que, apesar da organização ser fundamental, ela não pode ser limitante.

“É importante que o planejamento, bem como a prática, sejam flexíveis. A aula precisa ter espaço de participação e momento para os estudantes tirarem dúvidas, pois o trabalho em conjunto entre professor e aluno torna a aula mais significativa e interessante”, disse. 

Para a rotina fluir melhor, essa parceria entre professores e estudantes deve ser estendida à toda a equipe pedagógica, já que o ensino é um trabalho coletivo:

É preciso existir diálogo para que aconteça o crescimento institucional por meio de um ambiente acolhedor e seguro, onde todos possuem os mesmos objetivos”, afirmou a auxiliar de coordenação pedagógica.

Buscando promover esse espaço acolhedor e otimizar a rotina dos professores, o Sistema GGE oferece um acompanhamento personalizado para as instituições de ensino que são parceiras.

O suporte é essencial para impulsionar a equipe. Por isso, nós acompanhamos semanalmente as escolas por meio de ligações e visitas presenciais. Assim, desenvolvemos não só uma parceira com o colégio que utiliza nosso material, mas uma amizade significativa por meio da proximidade e do apoio pedagógico que oferecemos”, finalizou Helimara Ramos.

Notícias Relacionadas

Feliz Ano Novo!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *